O aquecimento global e as mudanças climáticas têm trazido grandes impactos negativos ao nosso dia a dia. Descompensação climática, derretimento das calotas polares, extinção de espécies e outros vários fatores podem ser observados com a evolução desse problema. Assim, práticas sustentáveis em pequenas atitudes do cotidiano podem fazer a diferença, e o seu cuidado com o pet pode ser direcionado para uma vida mais ecologicamente correta.

O Brasil é o segundo país com o maior número de animais de estimação em casa, segundo dados da Anfal Pet (Associação Nacional dos Fabricantes de Alimentos Para Animais de Companhia). Esse dado demostra a importância de práticas que não agridam ou degradem o ambiente em que vivemos.

Neste texto, trouxemos algumas dicas de como você pode ter uma vida sustentável e correta com o seu pet. Siga a leitura!

1- Cuide a origem dos produtos

Uma atitude simples, que pode fazer toda a diferença, é saber qual a origem dos produtos que você compra para o seu pet. Algumas opções facilmente aplicáveis em seu dia a dia são:

  • Coleiras e guias feitas de fibras de bambu orgânico. Elas são vendidas em pet shops que se preocupam com fatores ambientais, mas você também pode encontrar na internet. A vantagem de encontrar em uma loja física é que você pode ter um primeiro contato com o produto e conhecê-lo antes de comprar;
  • Bolsas eco, usadas para carregar o seu pet. Normalmente, esse tipo de bolsa é feito a partir de lona de caminhão, devido à resistência e durabilidade.
  • Sacos de papel ou opções biodegradáveis são alternativas para o recolhimento de dejetos. A hora do passeio é, sem dúvidas, momento que demanda atenção para o uso excessivo de sacos plásticos. Já existem várias empresas fabricando boas opções para você não depender do plástico para isso.

2- Repense a compra de brinquedos

Use a sua imaginação e objetos que tenha em casa para criar algo divertido para o seu pet. Gravetos e garrafas vazias são objetos que já fazem toda a diferença no cotidiano do pet. Porém outras possibilidades podem ser exploradas.

A bola de adesivos é uma boa alternativa para cães e gatos. No entanto, você deve tomar cuidado na hora de sua fabricação. A bola não pode caber na boca dele, para não correr o risco de conseguir rasgar e acabar ingerindo um pedaço da bolinha. O ideal é que a bola seja maior que a boca do seu pet, assim ele se diverte tentando mordê-la. Você também pode cobrir ela com lã ou tecido.

Outra brincadeira que é divertida e saudável para o pet é o gelo surpresa. Você pode congelar pequenos pedaços de carne e depois oferecer para o pet. Eles adoram brincar com o gelo e principalmente se ele tiver o gostinho de uma comida favorita.

Bolinhas de meia, caixinha de papelão, bichinhos de pelúcia, garrafas plásticas, são diferentes maneiras criativas que você pode utilizar e ser criativo na hora de brincar com seu pet. Dessa forma, você reutiliza algo que iria fora de qualquer maneira e evita fazer uma outra compra!

3- Não gere desperdícios na hora do banho

Ao dar banho em casa, você pode reaproveitar a água utilizada. Acumulando a água usada no banho com a ajuda de uma banheira ou bacia, fica fácil de aplicar essa dica. Assim, você pode aproveitá-la para lavar o canil ou até mesmo espaços externos da casa, como a calçada ou a garagem. Lembre-se também de observar a quantidade de shampoo e condicionador para não haver desperdícios!

Repense sua rotina e do seu pet! Assim você pode fazer com que suas novas atitudes sejam exemplos para amigos e conhecidos. É importante compreender seus costumes e do seu pet, tomando cuidado para não prejudicar e trazer desconforto para a vida de ambos.

Se você já tem práticas sustentáveis com o seu amigo de quatro patas, já fez um brinquedo muito especial e diferente, compartilhe com a gente! Deixe seu depoimento nos comentários!