Capacitação profissional é, sem dúvidas, uma das prioridades do Memorial Vera Cruz. A profissionalização permite que as famílias que recorrem ao Memorial, no momento mais difícil e delicado, tenham, cada vez mais, o melhor atendimento e acolhimento.

O Memorial é um local projetado para atender à comunidade passo-fundense. No entanto, desde a inauguração do crematório, em 2015, a responsabilidade social do Memorial passou de municipal para regional. Atualmente, famílias de diversas partes da região Sul do país estão sob os nossos cuidados.

É por isso que o bom atendimento não se faz apenas capacitando os próprios funcionários, mas sim os colaboradores de todas as funerárias atuantes nas principais regiões da área de abrangência do Memorial.

“Cremação de A a Z”

Um assunto relativamente novo no ocidente, a cremação ainda deixa muitas dúvidas e produz muitos mitos. Essas dúvidas e mitos, inclusive, cultivados dentro de muitas casas funerárias, que pouco têm contato com essa realidade.

Por isso, a agenda do curso tratou de questões burocráticas da contratação, das autorizações e da parte prática sobre como ocorre uma cremação.

O conhecimento gerado pelo curso irá possibilitar que funerárias como a da família de Tagnner Farezim, de Constantina/RS, tenham mais autonomia para oferecer a cremação como uma alternativa completamente possível. Tagnner conta que, em mais de 50 anos de existência da funerária familiar, apenas três cremações foram providenciadas.

O curso

A busca por um atendimento cada vez mais qualificado e cuidadoso também nos leva a buscar as parcerias mais adequadas para tal. É por isso que o curso ofertado aos funcionários e parceiros do Memorial contou com a maestria da Laidom Cursos e Treinamentos, conhecidos nacionalmente pela perícia que têm no ramo funerário.

O curso foi ministrado pelo professor Jonas Zanzini, muito conhecido por sua didática dinâmica em sala de aula. As aulas ocorreram durante todo o dia 28 de junho, no anfiteatro do crematório do Memorial. O treinamento foi inteiramente custeado pelo Memorial Vera Cruz.

Todos os alunos levaram para casa, além do certificado de participação, muito conhecimento e novas ideias para pôr em prática.

Aprendizado é uma via de mão dupla

O professor ministrante do curso, Jonas Zanzini, se emocionou ao falar sobre a importância de ter conhecido essa turma de alunos. “Ensinei tudo o que sei, mas, acima de tudo, aprendi muito com vocês também”.

Uma atitude assim não poderia ocorrer em um ambiente mais colaborativo do que o Memorial Vera Cruz: um espaço de constante aprendizado e colaboração mútua, em prol do bem-estar das famílias em seu momento de luto.

Abaixo, confira fotos do curso: